Dia #23 – São crianças como você, o que você vai ser quando você crescer

Preciso contar pra vocês que eu tava aqui em frente ao pc e pensei alto: Sobre o que vou falar hoje no blog?

Meu pai: Cachecol

Eu: Cachecol?

Ele: É (gesticulando)! Cachecol e as mil maneiras de usar, amarrar!

Eu rindo muito e ele: Ué, posso ser seu redator!

Sem mais sobre esse assunto.

Mas já que estamos falando sobre pais e que eu tô ouvindo Renato Russo (você culpa seus pais por tudo e isso é um absurdo…), vamos continuar falando sobre eles.

Tem uma coisa nos meus pais que eu acho muito, mas muito maneiro e que eu quero levar isso para os meus filhos.

Meus pais ❤

Meu pai nunca tira a autoridade da minha mãe e minha mãe também não tira autoridade do meu pai. Eles nunca brigaram por causa de nós (meu irmão e eu) na nossa frente.

Se meu pai tá brigando comigo por uma coisa injusta, mesmo que a minha mãe não concorde com isso, ela fica quieta. Depois eu até vejo ela indo lá no quarto pra falar com ele sobre isso, pra liberar tal coisa pra mim, mas na minha frente, ela jamais faria nada. E meu pai é a mesmíssima coisa.

Eu acho isso muito legal. Tô cansada de ver filhos que não respeitam a mãe porque o pai se mete quando a mãe tá brigando. Ou de filhos que sabem que podem fazer tudo que querem, porque se o pai brigar, a mãe passa a mão na cabeça.

E é aquele lance, né: Educai as crianças para não ser preciso punir os homens.

Existem muitas coisas que eu discordo dos meus pais quando se trata da nossa educação e que fico pensando que jamais faria isso se fosse mãe, mas essa é uma das que faço questão de levar comigo.

Aproveitando a oportunidade, queria dizer pra minha mãe que ela não é culpada pelos meus erros e do meu irmão. Mãe tem essa mania mesmo de que se alguma coisa deu errado na nossa vida, foi porque errou em algo na educação. Mãe, você não tem nada a ver com isso. Depois de uma certa idade nós somos responsáveis pelas nossas escolhas e pelas consequências que elas causam.

Texto de hoje: Pais e Filhos

Autoestima de hoje: Alta

O que me detonou: Mais arrogância ainda rondando

O que fiz de bom por mim: Reservei um fondue….hmmmmm

julho 18, 2012. Tags: , , , , , . Uncategorized. 5 comentários.