Dia #101 – Príncipe pai

Hoje, 11/02/14, completo 1 ano e meio de namoro com o príncipe pai (mesmo parecendo que são uns 5 anos que estamos juntos).

Incrível, mas tem 1 ano e meio apenas que a minha vida mudou completamente.

Costumo dizer que a gente brigava muito mais quando não namorávamos ainda (quase todo dia e era sempre bem sério). E olha que foram 5 meses dele me enrolando ficando. Acho que eu era muito insegura do que ele sentia e ele era muito fechado, daí ficava difícil mesmo. E por brigar muito, ele que ficava inseguro de começar o namoro (bem, pelo menos, foi isso que ele disse algumas horas antes da gente começar a namorar).

aniversario

Hoje em dia a gente quase não briga. E quando briga, eu brigo sozinha. Porque ele me deixa falando e fica só me olhando (com aquela cara de que sou maluca, sabe?). Tem coisa mais irritante? Não! Então até evito brigar pra eu não me estressar sozinha. rsrs

Acho que a sensação que tenho de estarmos há muito mais tempo juntos se deve pelo fato do nosso início de namoro não ter sido nada convencional, ter sido muito intenso. Logo que começamos o namoro, descobrimos o câncer na mãe dele e foi tudo muito rápido.

inicio-de-namoro

Isso nos uniu muito, estávamos sempre juntos. Contei tudo aqui pra vocês, lembra?

Quando ela faleceu, não tinha coragem de deixá-lo sozinho nem por um minuto e fui ficando na casa dele, até quando nos vimos comprando uma cama de casal.

Ele me pediu em casamento. Mentira, pediu nada (pediu nem em namoro, meus amigos que pediram rsrs). Me deu a aliança e disse que eu sabia o que era. Ou seja, estou esperando o pedido até hoje.

pedido-casamento

Fechamos os detalhes do nosso casamento, da realização do meu sonho, mas faltando 1 semana exatamente para completar 1 ano de falecida, a minha sogra mandou o João de presente pra gente.

Doeu muito, mas tive que cancelar tudo do casamento, pois o dinheiro não iria dar.

Não me arrependo de absolutamente nada do que aconteceu e vem acontecendo na minha vida. Não mudaria nenhuma vírgula.

O meu filho é a consequência mais linda que isso tudo poderia gerar. Nunca imaginei minha vida assim, nunca imaginei sentir algo assim. A construir uma família é a melhor sensação do mundo.

construir-familia

E o amor e admiração que eu tinha pelo príncipe pai só aumenta. Às vezes na hora de dormir, fico olhando pra ele já dormindo e agradeço a Deus por ter encontrado o amor da minha vida ainda nessa vida, não é louco? Tem gente que passa pela vida e não o encontra. Mas eu sei que esse amor não é dessa vida e nem acaba nessa vida.

Fico com tanto medo de acontecer alguma coisa a ele que me dá vontade de chorar.

Não é porque é meu noivo, mas é uma das melhores pessoas que conheço no mundo, de coração bom. Cuidou da mãe como ninguém, cuidou da vó, cuida muito bem de mim e do João, dos tios avós. Não sabe dizer não pra ninguém (e isso me irrita às vezes). Dedicado no trabalho.

Amo ver quando faz carinho na minha barriga, faz cosquinha nela pra brincar com o João, quando conversa com ele, enche a barriga de beijo. Tenho certeza que meu filho não poderia ter outro pai, porque ele já exerce esse papel lindamente.

Descrevo isso como um amor e admiração tão fortes, que chega a doer o peito. Deve ser porque tá quase transbordando, né?

me_completa

Enfim, feliz 1 ano e 6 mesinhos pra gente. Nosso presente tá chegando aí.

Beijos,

Nanda 😉

Não esqueça de acompanhar a gente no Facebook. Curte lá: http://facebook.com/365diasmeamando

Para quem quiser falar comigo sobre qualquer assunto, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com. Respondo todos os e-mails que vocês me mandam ;)

fevereiro 11, 2014. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , . Uncategorized. Deixe um comentário.

Dia #99 – Saindo com a nora

Murphy definitivamente me ama. No meio da semana luto pra acordar 8:30. No sábado perdi o sono às 7:30 da manhã.

Perdi o sono cedo porque tô chateada. Talvez a gente não consiga fazer a obra que eu tanto queria no quarto do João, porque não vamos ter grana. Não tem, não tem, mas é que estou desde novembro pensando em cada detalhe do quartinho dele, comprei revistas pra ter idéias, visito sites, procuro fotos. Enfim, vamos ver ainda se conseguimos ou não.

Sonhei novamente que ele nascia ontem (com 21 semanas). Ele era tão cabeludinho, com os cabelinhos arrepiados (uma amiga disse que quando a gente sonha com o nosso bebê, é porque ele vai ser assim). E tão pequenininho. Só que eu não tinha avisado ninguém, só a minha família que estava lá comigo, e ficava desesperada falando pro Leandro avisar no Facebook para os meus amigos. rsrs

E sábado foi dia de encontrar com a amiga e, enfim, conhecer minha nora que já está com quase 5 meses. Já falei da Samila umas duas vezes aqui no blog e falei do nascimento da Manu aqui também. Quem se lembra?

Pois é, que vergonha, mas só ontem conheci a nossa Manu.

Fomos almoçar juntas e cheirei muito, mordi, beijei. Ela é uma delícia!

bebe

A Samila me surpreendeu, é uma mãezona. Como a pessoa muda com a maternidade, mas ao mesmo tempo, sempre fica resquícios da velha Samila lá, nem que seja no fundo.

mamae

bebe-comendo-papinha

Não é a coisa mais linda?!

Trocamos várias figurinhas. Foi inevitável. Acho que basicamente só falamos disso. rsrs.

Depois fomos numa casa de festas para iniciar as pesquisas para a festa de 1 ano da Manu. Visitamos a casa de festas Safari Kids, que fica no bairro Todos os Santos, bem pertinho do Norte Shopping.

Aos sábados eles só atendem com hora marcada, por conta das festas que eles têm, mas chegamos lá e atenderam a gente mesmo assim (aparentemente não muito satisfeitos por isso).

A casa de festas é linda, limpinha, brinquedos em estado impecável, decoração linda (estava rolando uma festa enquanto estávamos lá), salgadinhos maravilhosos (fizemos degustação e até mini churros têm incluso no valor), tem também mini jantar incluso no valor (mas não fizemos degustação, até porque era de dia).

O que eu não curti? Não achei a moça que nos atendeu muito simpática e nem com muita paciência (já trabalhei em casa de festas e sempre prezei pela simpatia máxima) e achei o preço meio salgado, R$6.890 – ou R$6.590, não me recordo – para 100 pessoas (independente se for de dia ou a noite a festa) por 5 horas de festa. E se você optar por decoração provençal, tem acréscimo de R$600,00 no valor e você ainda fica responsável por levar todos os doces “personalizados” para compor a mesa.

obs: O orçamento que pegamos é para 100 pessoas, mas a casa tem capacidade para até 150 pessoas.

O pagamento pode ser em cheque, dando 20% de entrada e parcelando até a data da festa. Ou em cartão de crédito, em 6x.

Bom, estou contando pra vocês só para que tenham uma idéia. Eu esperava que o valor fosse por volta de R$4.000,00.

E, além disso, na minha opinião, casa de festas é legal para crianças a partir de uns 3/4 anos. Uma criança que está fazendo 1 ano, não vai em nenhum brinquedo, não tem nada pra fazer. Algumas casa de festas até tem uma área baby, não vi se essa tinha. Mas na maioria das vezes, ela acaba de mau humor ou dormindo.

Eu acho que é muito mais válido fazer uma festa em casa ou no play. Aluga uma área baby que é bem baratinho. E hoje em dia tem tantas opções lindas de festas em casa. Mas essa é só a minha opinião. O que vocês acham?

Beijos,

Nanda 😉

Não esqueça de acompanhar a gente no Facebook. Curte lá: http://facebook.com/365diasmeamando

Para quem quiser falar comigo sobre qualquer assunto, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com. Respondo todos os e-mails que vocês me mandam ;)

Autoestima de hoje: Maravilhosa. Me achando linda com esse barrigão 

O que me detonou: Calor

O que fiz de bom por mim: Fiz as minhas unhas (em casa mesmo), pra ver se eu paro de roer (voltei a roer por conta da ansiedade)

fevereiro 9, 2014. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Uncategorized. Deixe um comentário.

Dia #95 – O post mais importante da minha vida

Como eu já tinha contado aqui, eu estava fazendo dieta. Nos primeiros quinze dias eu emagreci bem, estava super feliz. Então, comecei engordar, mesmo seguindo minha dieta direitinho. Comecei a ficar super desmotivada, sabe?!

desmotivada

Procurei uma endocrinologista que me passou uns exames, mas antes de fazer esses exames comecei a passar muito mal, ficava tonta do nada, vomitava aí passava, aí do nada voltava.

Um dia no ônibus me veio na cabeça que eu poderia estar grávida, liguei pro príncipe e pedi pra ele comprar um teste de gravidez na farmácia que não precisasse ser a primeira urina da manhã, já que sou muito ansiosa e jamais aguentaria esperar.

Chegando em casa, ele tinha comprado e quando eu abri estava escrito que precisava ser a primeira urina da manhã. O príncipe foi putíssimo na farmácia pra falar com o cara (acredito ser o farmacêutico) e ele disse que mesmo que tivesse escrito que era a primeira urina da manhã, não precisava ser.

teste-gravidez

Ok, se ele estudou pra isso e está dizendo, quem sou eu pra questionar? Fiz o exame. Ufa! Negativo!

E eu acreditei fielmente nisso porque andava com dor nos seios, cólica e um leve sangramento como se fosse de início de mestruação. Mas nunca que descia a bendita.

Fui na ginecologista, porque pensava se tratar de um problema de hormônios. Ela me passou um exame de sangue, o Beta  HCG, para ver se eu estava grávida, caso não tivesse, ela me passaria os exames dos hormônios.

Ok! Assim o fiz.

A moça me disse que até 16h o exame saía na internet. 16h nada. 17h nada. 19h nada. 21h nada. Desisti.

ansiedade

Fui no futebol do príncipe e deixei isso pra lá.

Antes de dormir, tava mexendo na internet e lembrei do exame. Vou lá ver. Vai que….

Tinha saído. Legal!

Se fosse abaixo de 25 mIU/ml era negativo.

Eu estava com 30.0000 mIU/ml e poucos.

Comecei a chorar horrores, o príncipe veio ver o que era. Mandou eu ficar calma e eu só sabia chorar e chorar. Ele pegou o computador e ficou olhando o exame sem falar nada.

Cansei de tanto chorar e falei que ia dormir, ele (que ainda tava olhando o exame mudo), fechou o computador, sentou na beira da cama e ficou olhando a tv sem som (hoje ele jura por tudo que a tv tava com som, só se for na cabeça dele) sem falar nada.

Pois eu acordei no dia seguinte e estava ele em silêncio se arrumando pra trabalhar e assim, me deu um beijo e saiu sem falar nada.

Pronto! To grávida e vou ficar viúva (ou solteira).

Enquanto isso, eu chorando. Não sabia como contaria isso pra minha mãe (não sem ela me matar). Não me aguentei e liguei chorando horrores. Ela me surpreendeu, disse pra eu ficar calma e que ela tava feliz por ganhar um neto.

Ufa! Isso me tranquilizou 15%. Porque eu ainda tinha o problema de um noivo (e pai da criança) catatônico.

catatonico

Mas, como um passe de mágica, ele voltou ao corpo e à noite já era ele de novo e já estava fazendo carinho na minha barriga. E nunca vou esquecer desse momento, o nosso primeiro momento juntos, só nós três.

Não, mas ainda não foi nesse momento que caiu minha ficha que estava grávida. E, na real, ainda não caiu completamente. Estar grávida é cair um pouquinho de ficha cada dia que passa, um dia completamente novo, que não sabemos o que nos espera no amanhã.

Beijos,

Nanda 😉

Não esqueça de acompanhar a gente no Facebook. Curte lá:http://facebook.com/365diasmeamando

Para quem quiser falar comigo sobre qualquer assunto, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com. Respondo todos os e-mails que vocês me mandam ;)

Autoestima de hoje: Maravilhosa

O que me detonou: Enjoo

O que fiz de bom por mim: Feliz demais

novembro 29, 2013. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , . Uncategorized. 3 comentários.

Dia #93 – Extremos

Só consegui aparecer aqui agora porque esses meus dias  foram corridos e conturbados.

Sexta à noite tinha convencido o príncipe a ir na academia comigo (temos um crédito na academia aqui do lado de casa). Nos arrumamos, mas passamos antes no mercado pra comprar algumas coisas pra lanchar e não ir de barriga cheia.

Quando pisamos no mercado, o celular dele toca e eu já sabia:

– É a sua vó, né?

– É.

A vó dele havia falecido.

Tanto eu, como ele (principalmente ele), levamos de boa. Já estávamos esperando por isso.

Ele resolveu os detalhes do enterro, fomos ao hospital encontrar a madrinha dele e o primo.

No dia seguinte foi o enterro e ele se manteve bem forte, me surpreendeu completamente. Eu não sei se conseguiria estando no lugar dele.

À noite foi o casamento da minha amiga de infância. Ficamos amigas quando tínhamos por volta de 4/5 anos. E foi amor à primeira vista. Nos conhecemos plantando uma árvore na nossa rua e hoje em dia essa árvore tá giga. Posso dizer que a nossa amizade foi eternizada no primeiro dia que nos vimos.

Os nossos pais foram amigos de infância, nossas tias amigas de infância, nossos irmãos que nunca se bateram rsrs, mas se conhecem desde a barriga.

O príncipe não estava muito animado pra ir. Mas eu, minha mãe e o pai dele o convencemos de ir. Para distrair um pouco a cabeça, não ficar em casa triste e pensando em besteira.

Esse dia foi o dia mais esquisito da minha vida.

O dia que chorei de tristeza e chorei de alegria. O dia que começou fechando um ciclo e terminou começando outro ciclo.

Se bem que, sempre que um ciclo se fecha, outro sempre se inicia.

Minha amiga estava maravilhosa. Eu cheguei um pouco atrasada, por conta da correria do meu dia, e quando cheguei ela já estava dentro do carro. Fiquei esperando do lado de fora da igreja para ser uma das primeiras a vê-la. Enquanto eu esperava ela sair do carro, eu me tremia toda de nervoso. E quando ela saiu…nossa senhora. Maravilhosa.

noiva-saindo-do-carro

Eu chorei junto com ela quando ela estava entrando na igreja. Chorei junto com ela quando ela disse as palavras de juramento do casamento.

Impossível não passar um filme na cabeça num dia desses. De todos os momentos importantes e sem importância que já passamos juntos durante uma vida inteira.

Quero que ela seja eternamente a pessoa mais feliz do mundo, assim como foi a noiva mais linda do mundo.

Minha irmã de alma, de coração, de tudo mais.

amiga-irma

Ah, me comportei até muito bem no casamento. Tomei metade de um refrigerante, porque quando cheguei tava doida de sede. Mas depois, à noite inteira, foi água. Não comi bolo, nem docinhos. E pra falar que não jaquei, provei um bombom. 🙂

Quando saímos, cada um ganhou amêndoas e bem casados. Já pedi para o príncipe esconder todas essas delícias de mim. Ele pode até comer as que eu ganhei, mas que não seja na minha frente porque será uma tortura.

Hoje conseguimos correr um pouquinho. Tô começando bem leve. Caminhei bastante e depois alternei 30 segundos de corrida com 1 minuto de caminhada.

Começamos o desafio 30 todo dia. Nesse desafio, temos que em 30 dias seguidos, fazer reeducação alimentar e, pelo menos, 30 minutos de atividade física. Ao final dos 30 dias, posta foto do antes e depois e diz quantos quilos emagreceu.

Baixei também alguns aplicativos pro celular que estou testando, depois falo sobre eles pra vocês.

E vamos continuar o foco, a autoestima, vamos trocar idéias, vamos nos incentivar.

Fiz um instagram para poder falar do meu dia-a-dia nessa nova fase de atividade física e dieta. Lá dou dicas também. @365diasmeamando Segue lá 😉

Se quiser, pode acompanhar também pelo Facebook. No Facebook, além dessas dicas, também posto outras dicas de autoestima e vocês também ficam sempre ligados nos posts. Curte lá: http://facebook.com/365diasmeamando

Para quem quiser falar comigo sobre qualquer assunto, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com. Respondo todos os e-mails que vocês me mandam 😉

Autoestima de hoje: Maravilhosa

O que me detonou: Hoje? Nada

O que fiz de bom por mim: Comecei a correr

setembro 29, 2013. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Uncategorized. Deixe um comentário.

Dia #81 – Bolo de caneca é a solução

Hoje…ops, já passou de meia noite….Ontem, domingo, seria o dia de fazer algo diferente, mas a gripe me atacou pesado essa semana. Então trocamos o dia de fazer algo diferente pelo dia da preguiça. Oba! Amo!

Basicamente meu domingo foi cama e Revenge (meu novo vício. Já estou no 20 episódio da primeira temporada). Sempre digo aqui pra vocês se curtirem, gastar seu tempo com algo que realmente goste. E seriados, pra mim, são tudo de bom, passaria dias e dias só vendo. Até prefiro ver seriados que já terminaram, porque compro o box e vejo tudinho de uma vez, sem ficar na ansiedade pelo próximo episódio.

E um bom dia preguiçoso pede o que? Uma bela gordice!

A gordice da vez foi um bolo de caneca com M&M’s e cobertura de chocolate. Nham Nham!

bolo de caneca

Tão gostoso e tão facinho de fazer. Quer saber como? Vamos lá então.

Você vai precisar de:

M&M`s a seu gosto

M&M`s a seu gosto

3 colheres (sopa) de leite

3 colheres (sopa) de leite

3 colheres (sopa) óleo

3 colheres (sopa) óleo

2 colheres (sopa) chocolate em pó (não é achocolatado, hein)

2 colheres (sopa) chocolate em pó (não é achocolatado, hein)

4 colheres (sopa) farinha de trigo

4 colheres (sopa) farinha de trigo

4 colheres (sopa) açúcar

4 colheres (sopa) açúcar

1 ovo

1 ovo

Tendo separado tudo, é hora de misturar a farinha, o açúcar e o chocolate com um garfo.

bolo de caneca

 

Depois é a vez do leite. Misture bem até ter certeza que todo o conteúdo dissolveu.

bolo de caneca

 

Misture o óleo.

Esse é o jeito correto de segurar o garfo para realizar a mistura de um jeito prático

Esse é o jeito correto de segurar o garfo para realizar a mistura de um jeito prático

Hora do M&M`s. Hmmm. Misture tudo novamente.

bolo de caneca

Logo depois, leve ao microondas em potência máxima por 3 minutos. Ele vai ficar assim:

bolo de caneca

Preparamos uma cobertura. Você pode preparar a que você desejar, caso já conheça alguma. No caso, preparamos essa:

– Achocolatado

– Açúcar

– Leite

– 200g creme de leite

  1. Coloque em uma panela aquecida quatro colheres das de sopa de achocolatado em pó, em seguida quatro de açúcar e quatro de leite, misture tudo até ficar um pouco homegênea
  2. Coloque 100g de creme de leite e misture
  3. Coloque mais tres colheres de achocolatado e misture, duas de açúcar e misture
  4. Por fim coloque o restande de creme de leite e misture até fervura
  5. Desligue e deixe descansar por dois minutos
  6. Agora é só colocar no seu bolo

bolo de caneca

 

Espalhe e depois confeite com alguns M&M’s. Coma bem quentinho que é mais gostoso. Mas se você preferir, pode comer depois.

bolo de caneca

 

Olho grande que somos, eu e meu noivo, fizemos 2 bolos. Mas depois achamos exagero. Um só daria para os dois.

Gostaram? Experimentem e me contem, hein?!

Beijos (e não esqueçam de curtir nosso Facebook aqui do lado direito, hein?!)

Para falar comigo sobre qualquer assunto, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com

Autoestima de hoje: Maravilhosa

O que me detonou: Gripe

O que fiz de bom por mim: Curti meu seriado, minha cama e meu príncipe

 

abril 29, 2013. Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Uncategorized. Deixe um comentário.

Dia #77 – Quem menos você imagina

Não sei se vocês vão lembrar desse post, mas na época que estava com minha sogra doente (pra quem não acompanha aqui, ela teve câncer no ano passado e acabou por falecer em setembro), uma amiga veio conversar comigo e me confessou que estava com câncer de mama, dividiu a experiência dela comigo e me ajudou de uma maneira que nem ela imagina.

Naquela época, qualquer palavra de consolo era uma enorme ajuda. Mas essa em especial eu vou lembrar pra sempre.

E na dia do enterro, na hora de enterrar, naquela hora que meu namorado segurou minha mão com tanta força que chegou à doer, eu lembrei dessa minha amiga. Lembrei do que ela me disse, que eu não precisava falar nada pra ele, que só o fato de estar do lado dele, eu estava ajudando, estava sendo importante. E quando ele segurou minha mão daquele jeito, eu me senti a pessoa mais importante do mundo naquele momento.

Mãos dadas

Alguns meses se passaram e eu fui acompanhando o progresso dessa amiga, a vitória dela, pelo Facebook. Mesmo que ela nunca postasse nada a respeito, eu sabia.

~~ Vale lembrar que nunca fui íntima dela, nos conhecíamos há anos, mas nunca fomos amigas até então. Por esse motivo, meu namorado nunca a tinha encontrado ~~

Mesmo tendo passado por duas cirurgias e pela quimio, ela nunca perdeu a vaidade e nem a alegria de viver. Sempre arrumada, tirando fotos e saindo.

Inclusive, eu tinha estranhado que o cabelo dela não tinha caído, apenas tinha cortado em um chanelzinho linda. Apenas semana passada que descobri que esse chanelzinho era peruca (sério, se ela não me falasse jamais saberia). Agora ela já tá saindo com o cabelo curtinho.

Ela me disse que pegou trauma e que agora só vai andar de cabelão. Mas, na boa? Ela é linda de cabelão, de chanel, de cabelo curtinho e até sem cabelo. Não sei dizer, ela é tão linda de SER que acho que essa beleza exala pra fora.

câncer

Vi essa imagem na página da “Gina Indelicada” e mandei na hora pra ela

Mas e aí que na semana passada combinei com ela que meu namorado (noivo, nunca me acostumo) iria encontrar com ela para entregar uma coisa que ela comprou comigo.

Expliquei pra ele que ela era a pessoa que tinha falado palavras tão lindas na época que a mãe dele tava doente.

No dia marcado, eles se encontraram e ela abraçou ele e falou: “O pior já passou.” E acabou chorando.

Ela talvez tenha dito isso dela. Ela talvez tenha dito isso da gente. Mas acho que foi mais pelos dois. O pior para nós 3 já passou. Agora é só vitória.

Óbvio que ao saber disso, chorei horrores. Mas não sei dizer exatamente o motivo disso ter me emocionado.

Talvez por eu ter lembrado de tudo horrível que passamos no ano passado.

Talvez por eu ter tido a real idéia do tamanho do sofrimento dela nessa mesma época.

Talvez por eu ter percebido que, apesar de tudo isso, todos nós vencemos.

E aquilo? Aquilo é passado! Aquilo levo comigo apenas como aprendizado, como fonte do nosso amadurecimento.

Mês que vem é dia das mães e mês que minha sogra faria aniversário. Sei que não vai ser nada fácil. Mas temos um ao outro. E isso já consola.

Mas o mais bizarro dessa história toda é que às vezes, a última pessoa que você imaginaria que seria sua amiga num momento difícil, é um dos personagens mais importantes nessa etapa.

Beijos

Para falar comigo sobre qualquer assunto, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com

Autoestima de hoje: Mais Maravilhosa Impossível

O que me detonou: Nadinha

O que fiz de bom por mim: Ando me cuidando. Tudo que não me agrada, estou tentando contornar

abril 16, 2013. Tags: , , , , , , , , , , , , , . Uncategorized. Deixe um comentário.

Dia #73 – Somente o que me faz bem

Que 2013 seria um ano de mudanças, eu tinha comentado já por aqui. Mas que minha vida toda mudaria completamente já no primeiro mês, nem sonhava.

Desde que minha sogra faleceu, no início de Novembro do ano passado, que eu não fui mais embora da casa do namorado.

No início tinha medo de deixá-lo sozinho e ele desabar, daí fui ficando, ficando e quando nos vimos estávamos comprando cama de casal e mesa pra casa.

Mas sempre vamos lá pra minha casa. Pelo menos uma vez na semana dormimos lá.

Desde novembro minha mãe me liga perguntando quando eu vou voltar.

O problema é rotular. Por que eu PRECISO estar morando com ele OU estar morando na minha casa? Enfim, resolvi falar pra ela que eu não iria voltar, que agora moro aqui com meu namorado.

Ela ficou super revoltada porque eu não sentei pra conversar com meu pai e com ela mesma (no fundo os dois já sabiam, só não queriam assumir, estavam esperando eu “oficializar”), depois ficou revoltada porque eu não fiz um Chá de Panela (acredita? rs). Lembrei à ela que não estou casando, estou apenas morando com ele. Que quero casar direitinho, me vestir de noiva, fazer festa (é meu sonho) e que quando isso acontecer, ela poderá organizar o chá de panela, chá de lingerie, chá bar, tudo que tem direito.

No final da conversa, ela disse que quando eu precisar, ela estaria ali. Desliguei chorando e chorei pelo resto do dia.

Tatuagem com o nome da minha mãe

Tatuagem com o nome da minha mãe

Como se desvincular é difícil. “Desvincular” não é a palavra correta, porque não é preciso isso. O correto seria como é difícil sair debaixo da barra da mãe. Ninguém me contou essa parte.

Os outros dias seguintes foram bem difíceis pra mim, chorava bastante com saudade da minha mãe. Apesar de estar morando bem pertinho, só o fato de saber que não vou vê-la chegar em casa do trabalho e nem vou acordar de manhã com o cheiro do perfume dela na sala, isso estava cortando meu coração.

Fui convivendo com isso até que meu foco mudou e meu rumo também. Saí do trabalho no qual estava há 2 anos. Acredito e sempre digo isso pra todo mundo, todo trabalho é válido. Por mais nada a ver que ele seja com a sua área, você sempre aprende muita coisa com seu emprego. Coisas que você vai levar pra sempre na sua vida profissional e na sua vida pessoal.

Mas chegou a minha hora e resolvi correr atrás do que eu gosto. Estou abrindo uma empresa com uma amiga. Vamos tirar fotos de bebês, crianças e gestantes. Além de prepararmos lembrancinhas personalizadas para festas infantis. Sempre amei fotografia, organização de festas. Sem contar o quanto sou apaixonada por crianças e o quanto admiro mulheres grávidas. Estou muito empolgada e em breve coloco novidades sobre esse projeto por aqui. Até mesmo para vocês conhecerem um pouco mais e, quem sabe, seguirem as atualizações de nossos trabalhos.

Resolvi também me dedicar mais ao meu Bazar. Pra quem tenha interesse, curte lá: https://www.facebook.com/BazarTaTudoEntreAmigos Temos novidades quase todos os dias. Coisas novas e usadas. Num preço super bacana

Na onda de só quero esse ano o que é bom pra mim, tranquei minha faculdade numa universidade cara e que não tem o mínimo de respeito com o aluno. Ao meu entender, para a faculdade, o aluno é um cliente. Se esse cliente me paga e me paga bem, eu tenho que, no mínimo, tratar ele bem, atender às solicitações dele, etc. Mas, infelizmente, não é isso que acontece. Por esse motivo, amanhã mesmo estarei me matriculando em outra faculdade e vou fazer de tudo para que eu consiga me formar ainda este ano. Vou me empenhar ao máximo, vamos ficar na torcida.

Pra fechar esse mês de Janeiro com chave de ouro, dia 30 foi meu aniversário. Fomos jantar na minha casa (a da minha mãe) e quando eu cheguei em casa (do meu namorado) tinham flores (amarelas, as minhas preferidas) me esperando, com uma carta que me fez chorar litros. Entro no quarto ele está parado com uma caixinha na mão.

Nossas alianças

Nossas alianças

Sim, eu fui pedida em casamento! Chegou a minha vez, agora eu sou uma noiva e a mulher mais feliz do mundo.

Contei para minha mãe e ela disse que ele teria que pedir ao meu pai. Hoje fomos almoçar com meus pais, o pai dele, minhas avós e meus primos. O pedido não rolou (acho que ele preferia não casar do que ter que ficar em pé no bar, fazer discurso e pedir minha mão ao meu pai…rs), mas só de estar com todos eles ali juntos e me apoiando, foi bem importante.

Bom, pra terminar esse post e as mudanças na minha vida. Eu tinha um blog de menininha, que eu postava dicas de moda, saúde, beleza, etc. Me dedicava bastante, mas ano passado resolvi parar de escrever por falta de tempo e até de vontade. Na semana passada cheguei a solicitar o cancelamento da FanPage desse blog, mas essa solicitação demora 14 dias. Graças à Deus demora esse tempo todo. Ontem me deu um estalo e cancelei essa solicitação. Vou voltar a escrever lá.

eu

Caso você se interesse à ler essas dicas: http://pecadofashion.blogspot.com.br

Vou fazer algumas mudanças por lá ainda essa semana. Posts novos estarão sempre indo ao ar.

E a FanPage é a https://www.facebook.com/BlogPecadoFashion

ps: Todas as fotos desse post foram tiradas hoje enquanto eu postava aqui, pelo namorado, ops…pelo meu NOIVO!

Beijos 🙂

Para falar comigo sobre qualquer assunto, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com

Agora terei mais tempo (espero eu) para respondê-los. Peço somente que tenham paciência comigo 🙂

Autoestima de hoje: Mais alta impossível

O que me detonou: Ansiedade

O que fiz de bom por mim: Deixando na minha vida somente o que me faz bem

fevereiro 3, 2013. Tags: , , , , , , , , , , , . Uncategorized. 3 comentários.