Dia #69 – É sonho? Não me acorda!

Oi, gente! Vocês me perdoam pelo sumiço?

Viajei para Nova York dia 05/12, fiquei lá uns 10 dias e desde que cheguei foi uma correria só com as coisas acumuladas, festas de final de ano e tudo mais.

Essa viagem foi a realização de um sonho. O primeiro sonho que realizei. Nunca soube antes como era a sensação de poder realizar um sonho. E não adianta eu tentar, a sensação é indescrítivel.

Times Square

Times Square

Conhecer cada cantinho, cada novidade, se fascinar com cada detalhe. A decoração de natal, as luzes dos outdoors, o quão avançados eles estão de nós, os cenários que sempre vemos em filmes e seriados, nossa. Ficaria aqui falando horas sobre minha viagem.

Claro que nem tudo são flores, americano, por exemplo eu tô tentando descobrir se eles não gostam de turistas ou de pessoas. Pior ainda se forem pessoas turistas. Estão sempre de mal com a vida, de cara feia, te dão fora por tudo, gritam com você.

Viajei com uma amiga e com a minha mãe. Meu relacionamento com a minha mãe sempre foi meio complicado, temos gênio muito parecido, mas o pensamento e a personalidade completamente diferentes.

Rockefeller Center com a minha amiga e minha mãe

Rockefeller Center com a minha amiga e minha mãe

Nos três primeiros dias, a relação foi bem complicada. Brigávamos muito! Mas muito mesmo! Há cada 10 minutos nós duas brigávamos. Cheguei a achar que não tinha sido uma boa idéia a viagem.

Mas à partir do 4º dia eu não sei o que aconteceu, mas resolvi que essa viagem foi a melhor coisa que poderia ter acontecido para nós duas.

Não sei se ela mudou, se eu mudei, se estávamos praticando a política da boa vizinhança ou tudo isso junto. Só sei que foi uma delícia depois desse dia, minha mãe ficou carinhosíssima comigo, coisa que nunca foi. Por mais que ela não goste de admitir, sempre foi um pouco fria. Eu também, preciso confessar.

Viajar é maravilhoso, NY é maravilhoso, mas nada como a nossa casa. Nos últimos dias eu já estava contando os segundos para voltar.

Coitada! Eu não sabia o que estava desejando. Se não fosse a saudade que eu tava do namorado, poderia ficar lá pra sempre. O de volta à realidade foi muito complicado, está sendo muito complicado. Sempre que saio na rua com esses 43º que está no Rio de Janeiro, eu quero me teletransportar para os 3º de NY.

Por falar em namorado, a viagem foi maravilhosa, mas eu ficava o tempo todo imaginando o quanto seria muito mais legal se ele tivesse lá comigo.

Já estamos planejando a nossa viagem juntos. Aguardem!

A gente sempre volta diferente de uma viagem. Comigo não foi diferente. Me sinto muito melhor do que quando fui.

Beijos 😉

Para falar sobre qualquer assunto comigo, meu e-mail é fernanda_carvalho@globo.com

Autoestima de hoje: Alta

O que me detonou: Algumas coisas não estão dando certo

O que fiz de bom por mim: Não me dei por vencida. Só vou descansar quando resolver todos esses assuntos com glória

Anúncios

dezembro 27, 2012. Tags: , , , , , , , , , , , , , , . Uncategorized.

Deixe um comentário

Be the first to comment!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback URI

%d blogueiros gostam disto: