Dia #29 – E eles foram felizes para sempre

Hoje é dia de casamento. Como havia comentado ontem, hoje o meu melhor amigo do colégio casa. Sempre que alguém próximo assim casa, eu fico meio nostálgica no dia.

Ano passado meu primo/irmão casou. Eu lembro que eu já fui pra igreja chorando no carro. Fui lembrando de quando éramos criança, da casa dos meus avós, da gente na escola, da gente caindo na porrada, dele me enfiando a porrada com aquela espada maldita do he-man (traumas absurdos que eu tenho até hoje).

Meu primo nasceu 9 dias antes de mim, vivemos nossa infância toda juntos e nossas fases sempre foram parecidas. Vê-lo casando, pra mim, foi como desapegar de vez da infância, cortar uma fase da vida e me dar conta de que somos adultos (nossa!).

No caminho fui lembrando também de um filme que vi, “Vestida para Casar”, que a personagem principal fala que no momento em que a noiva entra e que todos os olhares estão voltados à noiva, ela olha para o noivo. Que poucos homens sabem apreciar aquela que terão pelo resto da vida (foi algo do tipo que ela disse no filme).

Chegando no casamento, cada cadeira tinha um lencinho de papel. Pois eu usei o meu e o do meu outro primo que estava de padrinho comigo. E quando a noiva entrou, eu olhei pro meu primo e ele tava tão feliz que o olho dele brilhava. Pela primeira vez na vida eu chorei em ver a felicidade de alguém assim estampada.

Olha a felicidade na cara deles

O casamento foi o mais lindo e romântico que eu fui. A noiva estava completamente linda (ela parece a Sandy) e eles estavam totalmente felizes e apaixonados.

E eu ganhei uma prima muito amada. Hoje eles foram morar em Jundiaí e eu morro de saudade (tipo Eduardo e Mônica rs).

Vamos ver como será o casamento hoje. Amanhã eu conto pra vocês.

Autoestima de hoje: Alta

O que me detonou: Briguei feio em casa

O que fiz de bom por mim: Curtindo a felicidade de quem amo

julho 28, 2012. Tags: , , , , , . Uncategorized. 2 comentários.